Eventos

  • Quinta | 27 | Janeiro

    Bate-papo e lançamento do livro 'O flagelo da economia de privilégios: Brasil, 1947-2020’

    O economista Fernando de Holanda Barbosa se encontra com os economistas Samuel Pessôa e Armínio Fraga, para o webinar de lançamento do seu livro ‘O flagelo da economia de privilégios: Brasil, 1947-2020’, com moderação da jornalista Adriana Fernandes, do Estadão.

    De acordo com o autor, a economia de privilégios é um produto da cultura brasileira. Um grupo bas­tante organizado e importante, composto por empresários obtendo subsídios, transferências e tratamento fiscal diferenciado; trabalhadores com tratamentos especiais, inclusive de impostos; funcionários públicos dos três poderes com salários acima do setor privado e até anistiados com aposentadorias e pensões especiais, procura — por vários mecanismos — extrair renda do Estado. O resultado desse ataque predatório nas finanças públicas produz déficit porque uma parte da po­pulação não aceita aumento de impostos para pagar a conta. A crise fiscal resulta desse conflito social.

    Fernando de Holanda afirma que o fim do flagelo da economia de privilégios depende de um pacto político da sociedade brasileira, que estabeleça o princípio de regras universais para todo e qualquer cidadão. Esse acordo deveria ter dois objetivos: (1) crescimento acelerado da renda per capita para dobrá-la num prazo de 20 anos, com taxa anual média de crescimento de 3,5%, como foi feito no passado, e (2) justiça social, com a extinção da economia dual (trabalhador formal versus informal, bairro versus favela, etc.) no mesmo prazo. Caso contrário, os erros do passado se repetirão ao longo do tempo, como a história econômica analisada neste livro nos ensina, e o Brasil será um país sem futuro.

    Inscreva-se AQUI

    Transmissão ao vivo em 27/1  AQUI

     

     

    Local: Canal YouTube FGV

    Horário: 18h00

  • Segunda | 6 | Dezembro

    Bate-papo e lançamento do livro 'Da Independência a Lula e Bolsonaro: dois séculos de política brasileira'

    Inscreva-se AQUI

    Na nova edição da obra ‘Da Independência a Lula e Bolsonaro: dois séculos de política brasileira’, revista e ampliada até o atual governo, o cientista político Bolívar Lamounier parte da indagação sobre a capacidade do sistema político brasi­leiro de produzir um empuxo forte o suficiente para impulsionar o crescimento econômico e levar o país a níveis aceitáveis de bem-estar, antes que tendências desagregadoras inviabilizem por completo esse ideal.

    Bolívar retoma as análises históricas sobre a política nacional e reexamina a história política e a paulatina conformação das instituições democráticas, uma vez que no Brasil o sistema representativo foi questionado, desde seus primórdios no século 19, por políticos, intelectuais e jornalistas, que o viam como uma superes­trutura importada.

    A obra, dividida em 3 partes, remonta ao nascedouro da democracia brasileira, no século 19, com o intuito de apreender a implantação e a lenta construção das instituições representativas, abrangendo até o período da Primeira República. A seguir, focaliza o período que se estende de 1930 aos dias de hoje, pondo em relevo a operação e a decantação de travejamentos institucionais no trans­curso das sucessivas conjunturas: o Estado Novo e o regime democrático de 1946; o período militar de 1964-1985; a fase de transição e a Constituinte; e, finalmente, o período compreendido pelos governos de Fernando Henrique a Bolsonaro.

    O livro finaliza com um debate sobre reforma política das últimas duas décadas e a outras questões atuais da democracia. Além de reflexões clássicas, como as referentes a sistemas de governo, organização partidária e sistema eleitoral, abordando também alguns temas mais amplos, atinentes ao futuro da democracia no mundo contemporâneo, num universo social crescentemente molda­do pelos meios de comunicação de massa, pela globalização e por potentes demandas por igualdade social.

    Passados 15 anos de sua primeira edição, a obra volta renovada com reflexões sobre a herança amarga do governo Dilma Rousseff, tanto na economia quanto com relação ao impeachment e suas sequelas, considerando que esses dois fatos conferiram à eleição presidencial de 2018 uma lógica de aguda radicalização, contrapondo o bolsonarismo à precedente experiência petista e esmagando o centro do espectro partidário. E às dificuldades decorrentes da radicalização veio somar-se a eclosão mundial da Covid-19, a partir de janeiro de 2020, agravando a situação econômica e provocando centenas de milhares de mortes.

    Neste período que separa a primeira publicação desta nova edição e com as mudanças do ambiente político brasileiro desde então, a obra concentra esforços repensando em profundidade a questão da reforma política e fazendo o registro sobre o preocupante retrocesso que a democracia vem sofrendo em quase todo o mundo.
     
    Para marcar o lançamento desta obra, faremos um webinar dia 6 de dezembro, às 18h, no Canal FGV no Youtube, com as participações do autor, Bolívar Lamounier, do professor Simon Schwartzman e da professora Angela de Castro Gomes.

    Local: Canal YouTube FGV

    Horário: 18h00

  • Segunda | 25 | Outubro

    Bate-papo e lançamento do livro 'Invisíveis: uma etnografia sobre brasileiros sem documento'

    Clique AQUI para acessar o evento.

    Em Invisíveis: uma etnografia sobre brasileiros sem documento, a jornalista e professora universitária Fernanda da Escóssia apresenta o resultado de sua tese de doutorado sobre as trajetórias de brasileiros adultos sem certidão de nascimento. Durante dois anos, a autora mergulhou no cotidiano de um serviço público e gratuito de emissão de certidões instalado num ônibus na Praça Onze, no Centro do Rio de Janeiro.

    Quem não tem registro de nascimento não pode tirar nenhum outro documento. Não vota, não tem emprego formal, conta em banco ou bens em seu nome. Apenas consegue atendimento médico de emergência e não pode ser incluído em políticas sociais. O acesso à educação é limitado, pois as escolas costumam exigir documentação para as matrículas. Dados da antiga Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) contabilizaram em 2015 cerca de 3 milhões de brasileiros de variadas idades sem documentos, mas não há estatísticas atualizadas sobre o tema.

    O livro narra as experiências desses brasileiros indocumentados, ilegíveis pelo Estado, invisíveis em seu próprio país. Valoriza histórias de vida como a de uma mulher que, sem certidão, não podia ser operada de um câncer; outra, na busca pelo documento, reencontrou a irmã de quem fora separada havia mais de 20 anos. “Invisíveis” relata a chegada dessas pessoas ao ônibus e as estratégias que elas utilizam para provar que de fato são quem dizem ser. Ao combinar uma escuta atenta e uma escrita sensível, o trabalho permite conhecer as respostas dessas pessoas a perguntas sobre ‘Como um adulto vive sem documentos numa sociedade documentada’, ‘Como se vê sem documentos’ e ‘Que papel atribui ao registro de nascimento.’

    Esta etnografia publicada pela FGV Editora apresenta por fim uma reflexão sobre o valor do documento. A autora apresenta a hipótese de que, na busca pela documentação, a dimensão imediata e inegável de “para que serve o registro de nascimento” se junta a outra, que remete a uma nova busca, por direitos, acesso à cidadania e recuperação da própria história familiar. E mostra que a conquista do registro de nascimento, com os direitos que ele garante, é parte de um processo maior de construção de identidade e cidadania.

    Para marcar este lançamento, a autora Fernanda da Escóssia se encontrará com as jornalistas Cristiane Costa e Vitória Régia da Silva e com a professora Letícia Ferreira em um bate-papo sobre o livro no dia 25/10, às 18h, no Canal  da FGV no Youtube.

    Inscreva-se AQUI

    Local: Canal YouTube FGV

    Horário: 18h00

  • Quinta | 7 | Outubro

    Bate-papo e lançamento do livro 'Antigos, modernos, selvagens'

    ‘Antigos, modernos, selvagens’ é a primeira edição em língua portuguesa publicada no Brasil pela FGV Editora. Nesta obra, o historiador francês François Hartog traça paralelos entre figuras históricas emblemáticas ou entre noções vindas da Antiguidade e retomadas pelos Modernos, acrescentando uma terceira figura, surgida com a descoberta do Novo Mundo: a do Selvagem.

    Inspirado na obra Tristes Tropiques de Lévi-Strauss, Hartog inicia uma nova investigação: dos antigos aos modernos, dos modernos aos selvagens, dos selvagens aos antigos, ele questiona os espaços intermediários, as discrepâncias e as interações entre esses três conceitos.

    Às reflexões que conduziu sobre a alteridade e a fronteira, em uma perspectiva de uma história cultural do mundo antigo, e às obras que publicou sobre a escrita da História antiga e moderna, François Hartog acrescenta nesta obra um novo questionamento: a dos usos modernos e das apropriações da Antiguidade.

    Assim, abordando desde a Antiguidade até a segunda metade do século XX, a obra pretende ser uma contribuição para uma história intelectual da cultura europeia, com uma dedicação do autor aos “entre espaços”, às lacunas, às discordâncias e também às interações entre os três termos, com sua convicção de que permanecer simplesmente no confronto entre Antigos e Modernos certamente teria sido mais fácil, mas insuficiente.

    Para marcar este lançamento, vamos promover um webinar com a participação dos professores Temístocles Cézar, Rodrigo Turin e da professora Francine Iegelski, além da partipação especial do próprio professor François Hartog com uma mensagem de vídeo.

    INSCRIÇÕES EM BREVE

    Local: Canal YouTube FGV

    Horário: 18h00

  • Quinta | 30 | Setembro

    Bate-papo e lançamento do livro 'Indivíduo e comunidade em Spinoza'

    Esta obra de Alexandre Matheron, publicada pela primeira vez em 1968 e reeditada em 1988 pela Éditions de Minuit de Paris, chega agora em português ao público brasileiro pela FGV Editora, com tradução da engenheira Martha de Aratanha, do professor Baptiste Grasset e do professor Emanuel Rocha Fragoso.

    A riqueza da obra ‘Indivíduo e comunidade em Spinoza’ alicerça-se num paradoxo, pois pretende atender aos mais exigentes parâmetros objetivistas e racionalistas da disciplina austera à qual pertence: a História da Filosofia. No entanto, a esses parâmetros Matheron acrescenta outros, cujo objetivismo e cujo racionalismo radicais fogem a boa parte dos preceitos que costumam imperar sobre as práticas da simples interpretação de textos. Obra complexa e profunda, permeada não só pelas sutilezas do conhecimento que disseca e divulga, mas também por uma sofisticação de linguagem essencial à consecução dos seus objetivos, Indivíduo e comunidade em Spinoza contém uma original abordagem ao pensamento de Spinoza.

    Para marcar este lançamento, vamos promover um webinar com a participação da engenheira Martha de Aratanha e dos professores Baptiste Grasset, Homero Santiago, Carlos Wagner Benevides Gomes, Wandeilson Miranda, com mediação do professor Emanuel Rocha Fragoso.

    LINK INSCRIÇÕES AQUI

    Local: Canal YouTube FGV

    Horário: 18h00

  • Terça | 27 | Julho

    Bate-papo e lançamento do livro 'Corrupção e o escândalo da Lava Jato na América Latina'

    Bate-papo e lançamento do livro 'Corrupção e o escândalo da Lava Jato na América Latina'

    Link de inscrição

    Clique AQUI

     

    Local: Canal YouTube FGV

    Horário: 18h00

  • Segunda | 21 | Junho

    Bate-papo e lançamento do livro 'Estratégia militar aplicada: metodologia de emprego'

    Link de inscrição

    Clique AQUI

    Local: Canal YouTube FGV

    Horário: 18h00

  • Terça | 18 | Maio

    Bate-papo e lançamento do livro 'Universidade e ensino de história'

    Link de inscrição

    Clique AQUI

    Local: Canal YouTube FGV

    Horário: 18h00

  • Quinta | 15 | Abril

    Bate-papo e lançamento do livro História da imigração no Brasil

    Link de inscrição AQUI

    Local: Canal YouTube FGV

    Horário: 18h00

  • Segunda | 29 | Março

    Bate-papo e lançamento do livro O elo perdido: cultura, produtividade e competitividade

    Link de inscrição AQUI

    Local: Canal YouTube FGV

    Horário: 18h00

  • Quarta | 1 | Janeiro

    Aguarde as novidade de 2021 e confira aqui nossa mensagem especial

    Queremos agradecer a companhia em 2020. Acesse nossa mensagem.

    Local: Aguarde os próximos lançamentos de 2021

  • Segunda | 7 | Dezembro

    Bienal (Virtual) do Livro de São Paulo

    De 7 a 13 de dezembro. 

    Confira a nossa programação:

    Para saber tudo, acesse: https://bienalvirtualsp.org.br/

                  

     

    Local: Bienal do Livro de São Paulo 2020

  • Quinta | 19 | Novembro

    Webinar sobre o livro Alimentando o mundo

    A ascensão do Brasil como potência agrícola é um dos eventos mais importantes na história do mundo moderno. Desde 1960 o Brasil passou de importador a maior exportador líquido de alimentos do mundo. Hoje está entre os cinco maiores produtores mundiais de 36 gêneros agrícolas e assumiu a liderança na exportação de dezenas de produtos. Haveria uma redução drástica na oferta mundial de alimentos sem a produção brasileira. ‘Alimentando o mundo: o surgimento da moderna economia agrícola no Brasil’, publicado pela FGV Editora em coedição com a Editora Imprensa Oficial, investiga em profundidade as causas dessa "revolução" agrícola. 

    Os autores da obra, professores Herbert S. Klein e Francisco Vidal Luna, se encontrarão com o professor Carlos Antonio Luque neste webinar para um bate-papo sobre as questões relacionadas à importância do Brasil no cenário atual do agronegócio e a evolução desta atividade essencial em nossa economia.

     

    INSCREVA-SE AQUI

    Local: Canal YouTube FGV

    Horário: 18h00

  • Segunda | 9 | Novembro

    Festa Virtual do Livro da USP

    Festa do Livro da USP tem reunido milhares de pessoas, todos os anos, em torno do prazer pela leitura. É um momento de busca, de descoberta, de reencontro – e também de aproveitar os descontos incríveis que marcam o evento desde a sua criação em 1999.

    Em 2020, a Festa precisa ser diferente: sem aglomeração, sem o calor de dentro das tendas, sem as chuvas de verão, sem o peso das sacolas cheias de livros…

    Uma festa virtual e, ainda assim, uma festa!

    Festa Virtual do Livro da USP acontecerá a partir deste site, de forma ininterrupta, do dia 9/11/20 (segunda), às 9h, até o dia 15/11/20 (domingo), às 23h59. Como sempre, a participação do público é gratuita e o desconto mínimo é de 50% sobre o preço de capa.

    Local: Site da Festa e da Editora FGV

  • Terça | 13 | Outubro

    Webinar de lançamento do livro: Gestão pública e saúde Ricardo de Oliveira

    Lançamento do livro Gestão Pública e Saúde, que traz as experiências e visões de Ricardo de Oliveira e suas alternativas sobre a gestão do sistema de saúde brasileiro.

    Este novo livro publicado pela FGV Editora chega ao público em momento mais que oportuno, quando uma nova crise na saúde, provocada pelo novo coronavírus, chamou a atenção para a necessidade de termos sistemas de saúde sólidos e resilientes no mundo e, no nosso caso particular, sobre a importância da gestão do SUS.

    Em uma linguagem direta e prática, Ricardo de Oliveira demonstra, nesta obra, que os problemas podem ser solucionados numa ação articulada de curto, médio e longo prazos que ultrapassa gestões governamentais.

    Para marcar este lançamento, o autor da obra, Ricardo de Oliveira, o economista Armínio Fraga e a médica e pesquisadora da UFRJ Lígia Bahia se encontrarão neste webinar para um bate-papo sobre as questões relacionadas com os problemas da gestão pública da saúde no Brasil e as possíveis soluções.

    Local: Canal YouTube FGV

    Horário: 18h00

  • Sexta | 2 | Outubro

    Webinar e lançamento do livro 'Brasil em projetos' Jurandir Malerba

    Lançamento do livro ‘Brasil em projetos: História dos sucessos políticos e planos de melhoramento do reino. Da ilustração portuguesa à Independência do Brasil’, do historiador Jurandir Malerba, que oferece uma síntese da história do país desde Reformismo Ilustrado até a Independência, a partir dos projetos traçados para o Brasil.


    Numa escrita dinâmica e fluida, e ao mesmo tempo consistente, Malerba analisa, interpreta e confere sentido a eventos, estruturas e visões de mundo de toda uma época. Ao longo da obra, alguns personagens ganham protagonismo na composição do enredo, restituídos na complexidade de suas ideias e ações.


    As discussões, disputas e propostas formuladas e travadas por esses ideólogos e reformadores como D. Rodrigo de Sousa Coutinho, José da Silva Lisboa (visconde de Cairu) e José Bonifácio de Andrada e Silva e tantos outros homens em torno do destino do país repercutiam as ideias da ciência moderna e do liberalismo econômico, com vistas a “organizar” a sociedade, sua população, seu ordenamento jurídico-político; a ocupação do território e formas mais racionais de exploração de riquezas naturais e da força de trabalho; a produção econômica e a educação formal e técnica de jovens e adultos, além de potenciais modos de inserção na geopolítica e na economia-mundo antes mesmo de o Brasil tornar-se Brasil.


    Para marcar este lançamento, o autor da obra, Jurandir Malerba, o autor do prefácio, jornalista e biógrafo Lira Neto, e as historiadoras Wlamyra Albuquerque, Heloisa Starling e Marieta de Moraes Ferreira se encontrão neste webinar para um bate-papo sobre o Brasil e sua história nesses dois séculos e o quanto aquela agenda política-econômica-social ainda reverbera ruidosamente nos dias atuais.

    Inscreva-se AQUI

     

    Local: Canal YouTube FGV

    Horário: 18h00

  • Terça | 14 | Julho

    Webinar de lançamento do livro: O fascismo em camisas verdes: do integralismo ao neointegralismo Leandro Pereira Gonçalves e Odilon Caldeira Neto

     

    A FGV Editora promove o encontro dos autores Leandro Pereira Gonçalves e Odilon Caldeira Neto para bate-papo e lançamento do livro O fascismo em camisas verdes: do integralismo ao neointegralismo. 

    Leandro e Odilon, professores do departamento de história da UFJF, junto ao jornalista Octavio Guedes, que assina o prefácio da obra, farão um webinar especial com bate-papo sobre a história do fascismo no Brasil desde sua origem, com Plínio Salgado, Gustavo Barroso e Miguel Reale, até as ações mais recentes, como o ataque à produtora Porta dos Fundos, ocorrido no Natal de 2019.

    Assim como na obra, elaborada pelos autores com uma escrita fluida e própria para o grande público, no webinar os participantes vão traçar a caminhada do integralismo e suas bases para o neointegralismo, com informações de embasamento histórico e registros atuais desse movimento que ajudarão os participantes do evento e leitores do livro a compreenderem o atual momento em que o Brasil se encontra.

    Na ocasião, a obra estará disponível em nosso site no formato ebook e sua edição impressa estará disponível em pré-venda especial. 

    Inscreva-se AQUI

     

    Local: https://evento.fgv.br/neointegralismo/

    Horário: 18h00

  • Quarta | 4 | Março

    Lançamento e bate-papo da autora com a jornalista Flávia Oliveira, o historiador Paulo Knaus e o economista Mauro Osorio sobre o livro Favela: quatro décadas de transformações no Rio de Janeiro Janice Perlman

    Janice Perlman conversa sobre as transformações ocorridas nas favelas cariocas nos últimos cinquenta anos com a jornalista Flávia Oliveira, o historiador Paulo Knauss e o economista Mauro Osorio.

    A autora do livro 'O mito da marginalidade', revisita as favelas do Rio de Janeiro e entrevista residentes antigos que ela conheceu em 1968 (quando do seu primeiro estudo), assim como seus filhos e netos, e oferece, neste novo livro, uma perspectiva única de longo prazo sobre as transformações nessas comunidades e como esses personagens lutam por uma vida melhor. Seu relato é baseado em entrevistas com quase 2.500 pessoas e combina depoimentos pessoais detalhados com etnografia e análises da urbanização da pobreza, das implicações das políticas públicas e do tráfico de drogas. Favela: qutro décadas de trsnaformações no Rio de Janeiro é estudo revelador sobre as grandes favelas do Rio de Janeiro e da vibrante comunidade de migrantes que arriscaram tudo para chegar à cidade e oferecer mais oportunidades para seus filhos, este livro produz insights que se aplicam a todo o hemisfério sul - da Cidade do México ao Cairo e de Mumbai a Lagos. 'Favela' oferece uma visão relevante e de longo prazo sobre um grande desafio que o mundo moderno enfrenta - talvez o maior do século XXI.

    INSCREVA-SE AQUI

    Local: IPP | Instituto Pereira Passos

    Horário: 18h30

  • Sexta | 1 | Março

    Em breve

    Boas Festas e melhores novidades para 2020!

    Local: Aguarde os próximos lançamentos

  • Terça | 3 | Dezembro

    Lançamento do livro 'O que há de novo no Estado Novo?'

    O que há de novo sobre o Estado Novo: autoritarismos e democracia, coletânea publicada pela Editora FGV, registra as novas discussões de historiadores e cientistas sociais brasileiros e estrangeiros sob diversas perspectivas do legado do Estado Novo brasileiro e também outras experiências autoritárias.

     

    Local: Blooks Livraria | Botafogo

    Horário: 17:00